“Não há respostas prontas sobre os planos especiais para educação”, Gilvânia Nascimento

A Coordenadora da Uncme na Bahia, a Professora Gilvânia Nascimento, destacou na manhã desta quinta-feira (04) que este momento em que as redes municipais buscam ampliar suas oportunidades de assegurarem o direito educacional em maio a pandemia, “não existem respostas prontas”.

“As questões que são apresentadas para nós, são as mais complexas e não há um modelo pronto, por isso, não temos como preparar um pacote e entregar aos municípios”, destaca.

Ela lembra que os diálogos com a Undime tem sido preponderante para que o direito a educação pública nos municípios seja assegurada, atendendo o que preconiza a legislação.

“Esse momento é muito importante pra nós, pois estas discussões estão fortalecendo os municípios e instrumentalizando as redes municipais quanto equilo que é preciso e possível de ser feito”, destaca.

Deixe um comentário

Facebook
YouTube
Instagram