DMEs e Equipes Técnicas realizam encontro de alinhamento de Formação Continuada

Dirigentes Municipais de Educalção e Equipes Técnicas dos Núcleos Territoriais de Educação (NTE) dos Territórios do Litoral Sul (NTE 05), Bacia do Rio Grande (NTE 11), Metropolitano de Salvador (NTE 26) e Costa do Descobrimento (NTE 27) dialogaram durante encontro de alinhamento, nesta segunda-feira (14), sobre a participação dos coordenadores pedagógicos e gestores escolares dos territórios nas atividades formativas e avaliações da Formação Continuada Territorial.

Durante o encontro, a diretora geral do Instituto Anísio Teixeira (IAT), Cybele Amado de Oliveira, fez uma reflexão sobre os desafios das atividades durante o isolamento social.

“É um momento delicado e muito sensível, mas as nossas equipes estão transitando e fizemos todo um apanhando de acompanhamento desse processo que estamos trabalhando. Incluímos formas para ajudar a todos, mesmo distante e nos reinventando” comentou. 

O encontro teve também a participação da diretora pedagógica, Diana Melo e da coordenadora de formação, Micheli Cruz, que apresentaram o desenho pedagógico e os objetivos da Formação Continuada. 

Diretores dos núcleos territoriais presentes relataram o desenvolvimento das suas regiões.  “Essa condição que o IAT nos permite de discutir, de estudar, de estar mais próximos de todos, só faz com que a educação pública da Bahia ganhe muito.A gente recebe com muito acolhimento, com muito carinho a parceria e a colaboração da equipe. A gente tem feito essas trocas e nós conseguimos ver a educação por outros modos” pontuou Rosilene Vila Nova, diretora do NTE 5.

Assim como ela, a diretora do NTE 11, Maria Aparecida Vasco, falou sobre o apoio que o IAT tem dado aos territórios durante a formação.  “Que a gente tire desse momento o melhor aproveitamento possível para fortalecer a gestão e a formação continuada dos nossos colegas. Obrigada a todos por essa parceria”, completou. 

“É com muita alegria que participo da reunião e testemunho de um trabalho excelente que o IAT vem fazendo. A proposta da formação, a concepção dos princípios éticos, pedagógicos e metodológicos são exemplares. A articulação da formação no contexto de trabalho e o fortalecimento das práticas profissionais e como referência. Estamos felizes de participar desse processo”, destacou a Dirigente municipal de Educação do município de Camaçari, Neurilene Ribeiro.  

Entre as falas das secretárias e secretários municipais, Suely Borges, do município de Canavieiras, contou como as atividades da formação continuada têm auxiliado nos trabalhos das escolas da sua cidade durante o período de isolamento social.

“A gente tem aproveitado bastante as atividades do IAT, até fizemos um plano de suporte estratégico pós pandemia e a gente aproveitou esse material para outras modalidades, para educação infantil e fundamental. Usamos um planejamento a partir da atividade da formação que é riquíssimo de conteúdo”, concluiu.

Deixe uma resposta

Facebook
YouTube
Instagram