“A Educação do Campo, exige a participação da sociedade”, Arlete Ramos

A Professora Arlete Ramos dos Santos, Coordenadora do FORMACAMPO e do Grupo de Estudos e Pesquisas Movimentos Sociais, Diversidade e Educação do Campo e Cidade (GEPEMDECC/PPGED/UESB), falou nesta sexta-feira (11) sobre o propósito do Programa de Formação de Professores do Campo (FORMACAMPO).

“O Programa Formação de professores do Campo (FormaCampo) tem objetivo central realizar atividades de extensão, por meio da formação continuada dos profissionais que atuam na educação do campo, em escolas dos municípios dos territórios de identidade situados na área de abrangência da UESB”, ressalta.

Ela acrescenta que “ao longo dos anos foi negado ao homem do campo e aos movimentos sociais serem protagonistas das políticas públicas educacionais, de modo a entender o que é a Educação do Campo e Educação Rural, de forma que possam ser desconstruídos os aspectos de linearidade e inércia”.

Deixe uma resposta

Facebook
YouTube
Instagram