Home / Notícia / Visibilidade
EVENTO DA UNDIME / CONVIVA EM TEIXEIRA DE FREITAS é DESTAQUE NO SITE FOCO NO PODER
Publicação: 27/04/2018

Na manhã desta quinta-feira (27) aconteceu em Teixeira de Freitas o Encontro Territorial de Dirigentes Municipais de Educação, com a presença dos municípios que compõem o Território do Extremo Sul da Bahia –  Alcobaça, Caravelas, lbirapuã, Itamaraju, Itanhém, Jucuruçu, Lajedão, Medeiros Neto, Mucuri, Nova Viçosa, Prado, Teixeira de Freitas, Vereda) e Território Costa do Descobrimento – Belmonte, Eunápolis, Guaratinga, Itabela, Itagimirim, Itapebi, Porto Seguro e Santa Cruz Cabrália. A mesa foi composta por vereadores da Comissão de Educação da Câmara, o secretário de Educação, Hermon Freitas, representantes da educação local, o presidente da Undime Bahia, Williams Panfile Brandão, juiz Roney Jorge Cunha Moreira, dentre outros.

>>>>> Veja as Fotos

Na oportunidade, o anfitrião, o professor Hermon Freitas, ressaltou a necessidade de acompanhar as inovações que o processo educacional está atravessando. Ele destacou que os desafios são muito grandes e ratificou a necessidade de estar antenados ao que de novo se apresenta como ferramenta que possa auxiliar o processo educacional.

O presidente da União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime) do estado da Bahia, Williams Panfile Brandão, durante sua fala inicial na mesa de abertura, lembrou que no dia 25 completou um ano em que a nova diretoria foi eleita e o objetivo de interiorizar a União dos Dirigentes Municipais de Educação naquele momento pontuado segue sendo fortalecido e, consequentemente, sendo realizado.

Para ele, o encontro é uma tentativa de fomentar as discussões dentro do território. Williams explica que a Undime é uma entidade nacional com sede em Brasília, mas, presente em mais de 400 municípios baianos, dividia em territórios, sendo o encontro da Câmara a oportunidade de trazer o “Convive, ferramenta da Undime em prol dos municípios, ferramenta  de gestão, que é possível trabalhar com merenda escolar, matrícula, transporte escolar, base nacional comum” e colocar em discussão a  Base Nacional Comum Curricular (BNCC) com os secretários.

“Ontem (26) houve discussão com professores da rede particular e pública e hoje com dois territórios, discutindo a base e trazendo informações pra que o trabalho da construção do currículo chegue às escolas, sejam da rede privada, municipal ou estadual”, pontua Williams.

A Undime tem o poder de fomentar a articulação e a formação dos dirigentes municipais de educação no estado e está presente em todos os órgãos ligados a educação pública.

A articuladora do Conviva / Undime, Zuma Castro, falou sobre os desafios da Base Nacional Comum Curricular, homologada em dezembro do ano passado e que está na sua fase de implementação, com conteúdos pedagógicos à luz da legislação em vigor e apresentou a Plataforma Conviva Educação, um sistema de gestão gratuito voltado ao dirigente municipal de educação e às equipes técnicas das secretarias.

Zuma lembra que toda rede precisa se envolver no processo de implementação da base e consequentemente fazer com que a parte que lhe cabe, os 40% que é local / regional, assegurem o que é peculiar, o que é próprio.

Ela fez um breve histórico sobre os aspectos legais que embasam a educação brasileira, e os movimentos que fortalecem a educação pública ministrada no país, indicando o que é obrigatório cada município cumprir e quais direcionamentos precisam seguir.

O juiz Roney Jorge Cunha Moreira discursou sobre educação, contando um pouco de sua trajetória, que consta com o exercício do magistério, detalhou um pouco dos desafios para se manter a ética e a qualidade no ensino. Quanto a ser professor, disse que “é preciso ter consciência de que você está formando gente para exercer uma profissão e pra isso você tem que ter um compromisso maior que os seus próprios compromissos”. Dr. Roney  deixou no ar a esperança de futuramente voltar a ser professor e, de forma humilde, falou: “Não sou expert em educação, sou um interessado no assunto, apaixonado”, entretanto, mostrou saber muito sobre o tema: “Eu não acredito que exista salvação no país e no mundo sem educação, porque a história mostra isso, que nenhum país no mundo venceu crises, as dificuldades, se não pela educação”.

Daniel Padilha Garrido, parceiro oficial do Google pra educação no Brasil, também esteve no evento. Em entrevista ao Foco no Poder, ele explicou que toda parceria do Google começa na Secretaria de Educação, “iniciando a criação do domínio, que ao invés de ser @gmail.com, a Secretaria de Educação pediria a conta pra todos os alunos, funcionários da Secretaria de Educação, professores, e teria um domínio que seria @edu.teixeiradefreitas.ba.gov.br”.

Na prática, a parceria firmada pelo Governo do Estado com o Google e, segundo Daniel, já disponível para uso da Secretaria de Educação de Teixeira, “é uma plataforma onde há possibilidade de criação de contas pra todos e espaço ilimitado na nuvem pra que alunos professores e estrutura organizacional possa armazenar os documentos já tendo todo backup disso e disponível pra Secretaria de Educação, quem gere tudo”.

Fonte: Site Foco no Poder