Home / Notícia / Agenda da Educação
UNDIME PARTICIPA DE REUNIãO NO MEC PARA DEBATER O PLANO NACIONAL DE EDUCAçãO
Publicação: 02/05/2019

A Undime participou na última segunda (29) e terça-feira (30) de reunião no Ministério da Educação (MEC) para debater o Plano Nacional de Educação (PNE) com a intenção de construir uma agenda estratégica que viabilize sua implementação. O objetivo é que os representantes possam identificar, junto ao Consed, os problemas que dificultam o atingimento das metas e estratégias estabelecidas pelo PNE. A partir daí, a proposta da pasta é criar um plano de ação baseado nos apontamentos realizados durante o encontro. Depois de elaborado, o documento deve ainda ser revisado pela Undime e pelo Consed para posteriormente ser colocado em prática.

Na ocasião, a Undime estava representada pelas presidências das regiões brasileiras. Pelo Norte, participou o presidente da Undime Roraima e DME de Caracaraí (RR), Raimundo Nonato; pelo Nordeste, a presidente da Undime Pernambuco e DME de Bonito (PE), Maria Elza da Silva; pelo Centro-Oeste participou o presidente da Seccional Goiás e Dirigente Municipal de Educação (DME) de Goiânia (GO), Marcelo Ferreira da Costa; e pelo Sudeste o presidente da Seccional Espírito Santo e DME de Jeronimo Monteiro (ES), Vilmar Lugão de Britto. Por questões logísticas que dificultaram o acesso ao transporte, a região Sul não conseguiu assegurar representação.

A iniciativa de realizar a reunião foi do próprio MEC e o convite foi feito pelo Secretário de Educação Básica, Janio Macedo. Também participam das discussões representantes de entidades do terceiro setor, como Instituto Ayrton Senna, Fundação Lemann, Instituto Natura e Todos pela Educação.

Para o presidente da Undime Goiás, a reunião vem ao encontro à expectativa da instituição em relação à necessidade do MEC trabalhar em conjunto com Undime e Consed, principalmente considerando toda a bagagem histórica da Undime.

"Estamos identificando os problemas que nos dificultaram ou nos dificultarão o atingimento das metas do Plano [PNE] até 2024 e tentando propor ao MEC soluções, do ponto de vista de quem faz a Educação lá na ponta, sobre como o ministério poderia editar políticas públicas ou soluções e ferramentas que possam auxiliar no cumprimento dessas metas". Segundo ele, a pasta tem sido muito solícita em ouvir todas as contribuições.

O presidente da Undime ES acredita que essa é uma possibilidade de dialogar com quem realiza a Educação no Brasil. "Nesse sentido, o MEC está de fato realizando o seu papel, que é o de ser articulador, e isso já vem sendo realizado, inclusive com a presença de outros parceiros institucionais do terceiro setor. A educação pública hoje deve e pode contar com esse apoio, que é de fundamental importância", ponderou Vilmar. O dirigente acredita ainda que “com essa ação, a o MEC tem condições de realizar seu planejamento estratégico, já que nós perdemos um bom tempo nestes primeiros 100 dias, face às sucessivas mudanças de gestores”.

O primeiro dia de atividades foi aberto com uma apresentação do presidente do Instituto Natura, Davi Saad. Ele relacionou os temas prioritários da Agenda da Aprendizagem (criada pelo Consed e Undime) e do projeto Educação Já (iniciativa do Todos pela Educação) com as metas do Plano Nacional de Educação.

Para a presidente do Consed, Cecilia Motta, as agendas apresentadas mostram que os gestores dos estados e municípios sabem aonde querem chegar. “Portanto, essa iniciativa do MEC, de escuta, de querer aproveitar o que já existe de bom, com base em evidências, é vista com bons olhos pelo Consed. A nossa expectativa é que possamos sair daqui com uma agenda integrada, avançando no regime de colaboração.”

Como parte das atividades da reunião, foi apresentada ao Secretário de Educação Básica a sistematização da reunião conjunta realizada pelas duas entidades nos dias 25 e 26 de abril, em Salvador (BA). O encontro foi promovido para alinhar as estratégias de ação da Agenda da Aprendizagem, elaborada pela Undime e Consed.

Fonte/ Foto: Undime